Casa feita com impressora 3D fica pronta em 24h e custa R$35 mil

Mesmo sabendo que já imprimimos quase tudo em 3D, ainda é muito impressionante a possibilidade de imprimir essa casa do zero, em somente 24 horas.

Como funciona

  O método construtivo é o convencional, primeiro sobem-se as paredes e depois é adicionado o telhado, só que nesse caso, tudo isso é feito pela impressora chamada Vulcan, da companhia ICON, que derrama uma mistura de concreto em um padrão pré-estabelecido por software.

  Ao invés de subir uma parede de cada vez, uma camada é colocada de uma só vez, com toda a estrutura “crescendo” desde o início de maneira uniforme e posteriormente o acabamento da construção é feito com mão de obra humana.

  Segundo fundador da ICON, Jason Ballard, “Com a impressão em 3D, você não só possui um ambiente térmico mais fresco e um desperdício próximo de zero, mas também possui velocidade maior, uma paleta de design muito mais ampla e a possibilidade de um salto na acessibilidade”.

casa1

 Casa construída nos Estados Unidos. 72 m² – 35 mil reais.

  A casa construída pela Icon para demonstração fica no Texas e custou cerca de US$ 10 mil, mas a startup espera que, com o devido planejamento, esse valor caia para US$ 4 mil por unidade. O imóvel tem cozinha, quarto, banheiro e sala, mas o projeto pode ser adaptado para incluir mais cômodos e, eventualmente, espaço maiores.

  No entanto, não é a primeira vez que um imóvel é construído em um dia com uma impressora 3D. Há um ano que a startup Apis Cor fez algo parecido na Rússia. Como podemos conferir na imagem abaixo:

Casa-em-3D

Casa construída na Rússia .  37 m² – 32 mil reais.

  A importância do desenvolvimento dessa tecnologia se deve ao fato de que um intervalo  curto de tempo é essencial para diminuir os custos de construção de casas, principalmente para famílias que vivem em moradias precárias.

  O projeto visa casas seguras e funcionais — com banheiro e instalações elétricas, por exemplo — em locais carentes de políticas habitacionais e, para atender ao maior número possível de famílias, é importante que os custos sejam baixos.

As limitações

  As casas impressas em 3D são uma ótima alternativa para milhões de pessoas, porém não se mostra uma solução de fácil implementação em áreas urbanas. Isso se deve ao fato  que a necessidade de habitações acessíveis e seguras no mundo é maior dentro ou perto das grandes cidades. Porém, substituir as casas já existentes nesses locais com casas impressas pode ser muito inviável devido a restrições de espaço.

  No entanto, as casas impressas podem ser muito mais práticas em áreas rurais, onde há menos densidade populacional. Embora a tendência seja de que, no futuro, tanto uma quanto a outra venha a ser favorecida pela tecnologia, no momento o foco da impressão 3D  de casas está direcionado para áreas afastadas de zonas urbanas.

Fonte: Blog da engenharia.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s